Fabio Seixas, versão txt

« Forever Young | Main | Tudo o que você sempre quis saber sobre o consumidor e tinha medo de perguntar »

Nunca antes na história da internet brasileira
dezembro 9, 2010, 11:02 AM por Fabio Seixas

A internet tupiniquim presenciou nos últimos meses uma verdadeira corrida ao ouro. Algo nunca antes visto na historia dos negócios online brasileiros. Em poucos meses um novo segmento de mercado surgiu, cresceu e, mais impressionante, inchou. Estou falando dos agora tão famosos sites de compras coletivas.

De abril de 2010, quando estreou o primeiro site de compras coletivas no Brasil, até a data em que esse artigo foi escrito sugiram pelo menos 40 sites com o mesmo objetivo. Desde o início da internet comercial por aqui, nunca houve um segmento que tenha atingido tal quantidade de envolvidos em tão pouco tempo, com números tão expressivos.

Leia o artigo completo


"Nunca antes na história da internet brasileira" é o artigo inaugural da minha coluna semanal no portal TechTudo da Globo.com.




Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.



Adicionar à: del.icio.us | Rec6 | My Yahoo 2.0
permalink | comentários (4) | trackback (0)
Link para este post:


Trackback Pings

TrackBack URL para esse post:
http://www.fabioseixas.com.br/mt/mt-tb.cgi/562

Comentários

Nem li o seu artigo, e digo que isso não é um empreendimento notavel, pois é uma cópia de um modelo existente...qualquer tipo de cópia, eu abomino...

Pois o que aconteceu foi que algum "geniozinho" viu no techcrunch algo a respeito, entendeu "parcialmente" o modelo de negocios, comprou um "scritp clone" de $399 dolares e pois no ar e está se dando bem...

O mesmo ocorre com os sites de leilão de 1 centavo, que tentam copiar o swoopo...porém, existem muitas variáveis, que esses "inovadores" não conseguiram enchergar fazendo com que o sistema continue um fracasso na LATAM.


Postado por: john em dezembro 9, 2010 10:30 AM


Anônimo "John",

poderia nem ter publicado seu comentário já que fere a política desse blog, mas publiquei mesmo assim só te pra dizer que você, já que não leu o artigo, deveria lê-lo pra não falar besteira.

O artigo não vangloria os que trouxeram o modelo de negócio para o Brasil, mas fortalece a ideia de que estamos vivendo um excelente momento da internet brasileira, o que pode ser verificado por esse movimento de sites de compras coletivas.

Da próxima vez, seja homem!

Postado por: Fabio Seixas em dezembro 9, 2010 12:41 PM


Nunca esperimentei, vou aguardar mais comentários sobre este tema para ver a credibilidade. Já tive problemas com alguns modismos e estou mais cauteloso.

Postado por: Marcelo Mello Ramos em dezembro 13, 2010 7:05 AM


Estas novidades são boas e espero que se tornem mais populares, já fiz uso e pretendo aumentar sempre que possível.

Postado por: Marcelo Mello Ramos em dezembro 14, 2010 10:50 PM


Comente

Aviso legal:
-Não publico comentários anônimos. "josé", "júnior", "maria" e qualquer nome que não informe claramente quem está fazendo o comentário será considerado anônimo. Seja homem (ou se preferir, tenha peito) e assuma sua posição;

-Se quiser que seu comentário seja publicado, informe claramente algum site que o identifique. Pode ser blog, Twitter, Orkut, Facebook ou qualquer perfil na internet e que, por sua vez, também não seja anônimo;

-Não publico comentários desrespeitosos, com palavras de baixo calão, preconceituosos ou que firam qualquer lei desse país;

-Não publico comentários que aparentam ser meras propagandas ou link building;

-Eu publico críticas, desde que respeitem as regras acima.




Lembrar?

(você pode utilizar algum HTML)


Please enter the security code you see here


   Powered by Movable Type