Fabio Seixas, versão txt

« Prêmio Info Exame Web 2.0 | Main | O tal do Beta Eterno »

Firefox vs IE: Não pense por mim
março 4, 2007, 2:05 PM por Fabio Seixas

Quando o evangelismo excessivo atrapalha usabilidade e o marketing pessoal, acontecem atrocidades como essa:

nao_pense_por_mim.png

Qual o sentido de atrapalhar a principal usabilidade de um site (a porta de entrada, a primeira impressão) com uma mensagem como essa? Ainda mais com a prepotência do autor de achar que pensa melhor do que o visitante. Porque colocar um outdoor persuasivo na frente de seu site/curriculo/portifólio pessoal em prol de um produto que não lhe dá nada em troca além de um browser gratuito? (convenhamos, browser gratuito é o que mais tem por ai. Ou seja, nem é um grande benefício tão grande assim.)

Mas não há como negar que a capacidade de evangelização do Firefox é enorme. Eles só tem que tomar cuidado para não virarem web-chatos.

ps.: Evangelistas, poupem seus argumentos para me convencer a usar Firefox. Estou muito satisfeito com meu Maxthon 2.0.




Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.



Adicionar à: del.icio.us | Rec6 | My Yahoo 2.0
permalink | comentários (13) | trackback (0)
Link para este post:


Trackback Pings

TrackBack URL para esse post:
http://www.fabioseixas.com.br/mt/mt-tb.cgi/301

Comentários

Também acho isso nojento. Até comentei sobre isso em um blog onde aparecia uma faixa, perguntando se eu queria navegar com abas e outras coisinhas mais, que eu não conseguiria com o iE que estava usando... Mas peraí... Meu iE7 tem tudo isso. E se não tivesse? Será que sou tão imbecil a ponto de ter "escolhido errado", sem querer, ou quis "o pior" navegador por algum motivo pessoal?
Esse pessoal fanático por Linux, Firefox e etc são realmente um saco! (só os fanáticos)

Postado por: Eric Coutinho em março 4, 2007 2:23 PM


Muito bem observado.
Aliás, esta linha "[...]a prepotência do autor de achar que pensa melhor do que o visitante [...]", acredito eu, seja o grande pecado capital da blogosfera. Não pode-se, é claro, generalizar, mas pessoalmente deixar de assinar vários blogs quando os mesmos começaram a "ofender a minha inteligência". Muitos escrevem como se estivessem escrevendo para pessoas que não sabem contar sem mexer os lábios.

Postado por: Ibrahim Cesar em março 4, 2007 2:25 PM


Infelismente é assim, quando aparece uma novidade aparece também os modistas.

Neste caso muitos soh sabem dessas 3 caracteristicas e já querem tatuar o Firefox na pele.

Ficam cegos pela modinha "i love firefox, ie é ruim", e não enxergam o Opera, o IE7, e nem mesmo o Firefox.

Só tenho o firefox no PC para testar a compatibilidade do meu site com vários navegadores, pq ficar com o firefox carregando + de 100MB de ram é uma piada de mal gosto.

Postado por: Matt em março 4, 2007 4:45 PM


fanatismo e evangelizacao é ruim em qualquer assunto.
todos tem vontade própria, pq as pessoas tem a mania de ficar tentando enfiar uma coisa na cabeça dos outros pensando que aquilo é melhor pra ela. se eu acreditasse que era melhor eu teria visto isso sozinho.
fazer propaganda no site sim. mostrar uma mensagem dessas praticamente obrigando a clicar no link de referencia não.

Postado por: Felipe em março 4, 2007 10:11 PM


Pior é que existem plugins do Wordpress pra esse tipo de comportamento aberrante.

Isso é coisa de moleque, do tipo que nunca teve que cuidar de um site profissional e dá piti de "morra Exploder" em mesa de bar (bebendo Coca-Cola, por ser dimenor).

Postado por: cardoso em março 5, 2007 9:43 AM


Isso é típico de fanatísmo mesmo. Acontece o mesmo com Apple x Microsoft.

As pessoas não compreendem que esses produtos (Firefox e produtos da Apple) apesar de serem ótimos, possuem defeitos como todos os outros.

Postado por: Eduardo Marques em março 5, 2007 2:31 PM


hauhhauuhauhauhauh

O Cardoso é "nojento".

Postado por: Eric Coutinho em março 5, 2007 2:34 PM


Pura bobagem.
Como o mundo seria sem graça se tivessemos 1 navegador, 1 sistema operacional, 1 programa de email, 1 marca de cigarro, 1 marca de cerveja, de carro, de roupa...

Cada um na sua... com suas preferências.
Maysa

Postado por: Maysa em março 5, 2007 4:17 PM


MAXTHON RULEZZ!!!!!!!!!!

Postado por: Max171 em março 7, 2007 12:50 PM


Concordo com o texto.

Uso o Opera e me sinto desrespeitado quando uma página me diz que meu navegador não presta.

Mas o que mais me aborrece é ver como as pessoas se ofendem por um página ser «for Firefox», mas acham perfeitamente natural e aceitável uma página «for IE».

Evangelização e fanatismo existem em todo lugar e o fanatismo Windows/IE é muito pior que o dos webchatos linuxeiros.

[]'s

Postado por: Rodrigo Cacilhas em março 8, 2007 10:36 AM


Vcs todos sao puxasacos da M$.O IE é uma droga mesmo. Isso existe devido a guerra suja que o senhor Gates fez em embutir o IE e forçar todo mundo a usar aquele lixo. Um mundo sem monopólios, um mundo com varios programas e não um que domine.

Postado por: Fernando Torres em julho 18, 2007 12:55 AM


1° fiz o teste da memória: as tres mesmas abas: IE 91mb, FF 87mb (quase a mesma coisa);
2° o IE é só mais rápido na hora de iniciar, isso porque parte dele é iniciado com o windows;
3° o IE não obedece às normas da W3 (nesse caso, quando um site fica certo no IE e não no FF, o site está mal escrito, de acordo com a W3)
4° o FF é indiscutivelmente mais seguro;

o terceiro ponto é a pior parte... Por causa disso, vários sites na internet são escritos para o IE (ERRADOS) e força as pessoas usarem o IE.

isso é tática da M$...

mas não é tb pra impedir de acessar o site. Mas o IE é nojento

Postado por: Daniel em abril 28, 2008 7:38 PM


Se você pesquisar na internet, verá que quem começou com isso primeiro foram outros sites apenas voltados para o IE. Duvida? Então olhe isso:
http://br-linux.org/linux/why-firefox-is-blocked-suspendeu-seu-bloqueio-ao-firefox-mais-ou-menos
Esta foi apenas uma retaliação.

Postado por: Temporal em abril 22, 2009 9:56 PM


Comente

Aviso legal:
-Não publico comentários anônimos. "josé", "júnior", "maria" e qualquer nome que não informe claramente quem está fazendo o comentário será considerado anônimo. Seja homem (ou se preferir, tenha peito) e assuma sua posição;

-Se quiser que seu comentário seja publicado, informe claramente algum site que o identifique. Pode ser blog, Twitter, Orkut, Facebook ou qualquer perfil na internet e que, por sua vez, também não seja anônimo;

-Não publico comentários desrespeitosos, com palavras de baixo calão, preconceituosos ou que firam qualquer lei desse país;

-Não publico comentários que aparentam ser meras propagandas ou link building;

-Eu publico críticas, desde que respeitem as regras acima.




Lembrar?

(você pode utilizar algum HTML)


Please enter the security code you see here


   Powered by Movable Type