Fabio Seixas, versão txt

« Marketing em uma garrafa de vinho | Main | Outro Ego Marketing? »

Ego Marketing
julho 24, 2005, 2:43 AM por Fabio Seixas

Outro dia estava pensando sobre marketing viral, marketing boca a boca e coisas afins e acabei formulando um conceito interessante de marketing.

Esse conceito começou a tomar forma poucos dias após eu comprar meu iPod Shuffle. Estava pensando justamente no fenômeno que o conceito iPod criou e como as pessoas agiam em relação ao produto e ao hype todo.

Todo mundo (ou quase) gostaria de ter um iPod. Ter um iPod significa estar na vanguarda, ser cool. Só que de nada adianta você ter um iPod e não mostrar para todo mundo dizendo para todos que você está na vanguarda, é descolado, etc. Então o que as pessoas fazem? Colam adesivos da Apple em seus carros, andam com seus iPod Shuffle pendurados no pescoço, não perdem a oportunidade de dizer que tem um.

Que fenômeno é esse que leva as pessoas a falarem tanto e tão bem de um produto? Que leva as pessoas a ter orgulho de mostrar que possuem um produto?

Acho que a resposta está no ego dos serem humanos. Todos querem ser bem aceitos pela sociedade. Faz bem para o ego saber que você é bem aceito na sociedade. Então os consumidores usam (e mostram que usam) estes produtos como uma forma de serem bem vistos.

Isso é o que eu chamo de EGO MARKETING. Aproveitar o ego dos consumidores para divulgar a sua marca ou produto, seja de maneira subliminar, seja através do boca a boca.

Faz bem para o ego destes consumidores mostrar seja-lá-qual-for-a-motivação de usar um produto.

O iPod é só um caso. Pegue por exemplo as pulseiras Live Strong. O que são as pulseiras além de um artigo que serve para mostrar ao próximo o quanto você é socialmente engajado por uma causa, no caso, o combate ao câncer? Tudo bem, as pulseras acabaram virando um artigo mais fashion do que um apoio a uma causa, mas mesmo no conceito fashion a pulseira tem o propósito de alimentar o ego das pessoas que as usam. As pessoas usam as pulseiras porque a sociedade enxergará isso de uma boa forma, seja pela causa, seja por ser uma pessoa na moda.

A moda de roupas é basicamente isso. Dizer para todo mundo que você está atualizado com as últimas tendências. Isso faz bem para o ego.

Outros exemplo bem sucedidos de ego marketing:

  • VW New Beetle - Tenha um e fique charmoso. Faz bem para o ego
  • Orkut - Quem tem mais amigo? Ser popular faz bem para o ego
  • Harley-Davidson - "Eu posso ser um quarentão, mas tenho atitude e isso faz bem para o meu ego"
  • Google - Faça do Google seu companheiro na web e você será o nerd mais bacana do pedaço.
  • Ferrari - "Vejam vocês, eu posso gastar 300 mil dolares em um carro." Ego puro.

Como podemos propor estratégias de ego marketing? Algo para pensar. :)


 




Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.



Adicionar à: del.icio.us | Rec6 | My Yahoo 2.0
permalink | comentários (8) | trackback (2)
Link para este post:


Trackback Pings

TrackBack URL para esse post:
http://www.fabioseixas.com.br/mt/mt-tb.cgi/10

Quem está linkando Ego Marketing:

» Ego Marketing de Serendipidade
Pelo blog Fabio Seixas, verso txt... "...EGO MARKETING. Aproveitar o ego dos consumidores para divulgar a sua marca ou produto, seja de maneira subliminar, seja através do boca a boca. Faz bem para o ego destes consumidores mostrar s... [Leia mais]

Tracked em outubro 20, 2005 1:58 AM

» Sobre Ego Marketing de egoCheese
Fabio Seixas e Fabio Cipriani andam discutindo Ego Marketing e eu gostaria de fazer alguns comentários. Acredito que as pessoas que consomem os produtos para alimentar o ego não buscam aceitação na sociedade, mas sim no grupo em que freqüentam/v... [Leia mais]

Tracked em outubro 22, 2005 4:45 PM

Comentários

Bom post! Comentarios feitos em meu blog.

Postado por: Fabio em outubro 20, 2005 2:03 AM


Olá Fabio.

Achei muito interessante este artigo. Primeiro eu me surpreendi: "Olha! Alguém que também comprou o iPod Shuffle." E depois fui lendo e existe algo em comum entre os produtos. Todos eles não são somente produtos, são produtos com conceito. Produtos que vendem mais do que um aparelho que toca mp3, vende um estilo. Mais do que um carro, um estilo. Mais do que uma moto, um estilo. O mundo vive essa onda de tentar se encaixar em alguma tribo. Ninguém quer estar na periferia. Querem reconhecimento.

Parabéns pelo artigo.

Postado por: Bruno Kaneoya em outubro 21, 2005 12:32 PM


Fabio, sou estudante do 1o. ano de Marketing de Varejo da Fatec-Senac-Pelotas RS, atualmente trabalho em uma empresa de varejo voltada ao segmento financeiro.
Hoje recebi da meu professor de metodologia da pesquisa a tarefa de desenvolver um projeto de pesquisa, já pensando em definir com mais precisão meu percurso formativo. Logo pensei em endomarketing, cheguei até iniciar um primeiro estudo, mas logo depois de várias discução com o grupo percebi que não era exatamente o que buscava; Pois o quero realmente é entedender, poder explicar, justificar, é alertar e até encontar soluções enfin poder mostrar o porque nós, pensamos, agimos e cometemos vários atos consciênte e mesmo inconscientimente, seja eles para nos beneficiar ou não, mesmo que na maioria da vezes sejam em beneficio próprio dos quais não admitimos abertamente.
Endendo que isto não é exatamente marketing pessoal, maketing de relacionamento e tão pouco endomarketing.
Hoje 10/11/2005 quase no final da aula veio-me a mente que havia descoberto o que eu queria, e nunca havia ouvido falar nos meus 46 anos,


DEFINIÇÃO CONCEITUAL:

Em sua discussão , percebo que voce e o o Bruno Kaneova, estão conceituando o EGO-MARKETING, no contexto humano de TER ( vaidade por possuir ), e eu já estou direcionando meus estudos alem do TER, para o contexto humano do SER, ( da vaidade por ser, se achar ser, ou querer ser ), dentro desta linha de raciocínio atrevo-me a conceituar o EGO-MARKETING, como sendo: Atitudes e ações individuais com uso do intelecto , positivas ou negativas, conscientes ou supostamente inconscientes que o individuo pratica e não assume isoladamente e nem no grupo", atitude estas que se negativas, as classifico como atos subversivos de marketing, se positiva atos egocêntricos de marketing.
O que voces pensam sobre isto.

Abraços

Silmar Carvalho
ssc544@bol.com.br

Postado por: Silmar Silva Carvalho em novembro 14, 2005 8:38 PM


Fabio, sou estudante do 1o. ano de Marketing de Varejo da Fatec-Senac-Pelotas RS, atualmente trabalho em uma empresa de varejo voltada ao segmento financeiro.
Hoje recebi da meu professor de metodologia da pesquisa a tarefa de desenvolver um rascunho de projeto de pesquisa, já pensando em definir com mais precisão meu percurso formativo. Logo pensei em endomarketing, cheguei até iniciar um primeiro estudo, mas logo depois de várias discussão com o grupo percebi que não era exatamente o que buscava; Pois que que quero realmente é entender, poder explicar, justificar, é alertar, enfin poder mostrar o porque nós, pensamos, agimos e cometemos vários atos consciênte e mesmo inconscientimente, seja eles para nos beneficiar ou não, mesmo que na maioria da vezes sejam em beneficio próprio dos quais não admitimos abertamente.
Entendo que isto não é exatamente marketing pessoal, maketing de relacionamento e tão pouco endomarketing.
Hoje 10/11/2005 quase no final da aula veio-me a mente que havia descoberto o que eu queria, e nunca havia ouvido falar nos meus 46 anos o , O EGO-MARKETING.

Na discussão aberta voce, percebo que voce e o Bruno Kaneoya conceituam o EGO-MARKETING, no contexto humano de TER ( vaidade por possuir ), e eu já estou direcionando meus estudos alem do TER, para o contexto humano do SER, ( da vaidade por ser, se achar ser, ou querer ser ), dentro desta linha de raciocínio atrevo-me a conceituar o EGO-MARKETING, como sendo: Atitudes e ações individuais com uso do intelecto , positivas ou negativas, conscientes ou supostamente inconscientes que o individuo pratica e não assume isoladamente e nem no grupo", atitude estas que se negativas, as classifico como atos subversivos de marketing, se positiva atos egocêntricos de marketing.
Qual sua opinião?

Parabéns pelo tema

Abraços

Silmar Carvalho

Postado por: Silmar Silva Carvalho em novembro 14, 2005 9:00 PM


Fabio,

Já se passaram quase seis meses e não tive o previlégio de saber o qual sua opinião sobre minha definição, acredito que voce pode ajudar-me. diante disto ficaria grato se manisfestase sua opinião, mesmo que contrária.

Abraços e fico no aguardo.

Postado por: silmar em janeiro 6, 2006 11:33 PM


Silmar,
o seu posicionamento sobre ego-marketing é pertinente. No entanto prefiro conceituar ego-marketing com uma forma de abordar e planejar ações de marketing utilizando o enfoque de como o consumidor poderá amplificar a mensagem originalmente criada pelo pelo planejamento de marketing.

Prefiro pensar que o conceito proposto por você tem mais a ver com o condicionamento psicológico, positivo ou negativo, conciente ou inconciente, criado pelo marketing na mente do consumidor. Tais condicionamentos psicológicos existem e devem ser abordados e estudados independente da sua estratégia de marketing, seja ela ego-marketing, marketing viral, "marketing tradicional", etc.

Qualquer ação de marketing tem como objetivo básico a manipulação psicológica (no bom sentido, claro) do indivíduo na intenção de persuadi-lo a adquirir um produto ou serviço.

O que chamo de Ego-Marketing é como podemos, no planejamento de marketing, considerar as ações realizadas pelo cliente após a aquisição do produto ou serviço, sejam essas ações para falar bem do produto ou até mesmo para falar mal.

Muitas vezes, vejo que os marketeiros não se preocupam com esse aspecto e perdem ai uma grande oportunidade de alavancar ainda mais suas ações de marketing.

Postado por: Fabio Seixas em janeiro 6, 2006 11:48 PM


ola, boa tarde!!!!!

bom eu sou estudande de pp e tenho que fazer uma apresentacao sobre endomarketing,crm e mkt de varejo, mas esta sendo muito dificil entender cada um deles...sera que nao é pedir muito para vc tentar em explicar? pq pelo que li aki na sua pagina vc entende muito bem sobre o tema e nos explica de um modo mais simples...
bom muito obrigada e te espero ok?!

Postado por: mouna em setembro 18, 2006 1:07 PM


Fabio,
Concordo plenamente quanto a seu conceito, quando do ponto de vista comercial de produto/serviço, onde as ações e planejamentos de marketing estão voltados para os resultados de aumento de vendas e satisfação do cliente, porem acredito que o Ego-Marketing do ponto de vista comportamental (pessoas )tanto do consumidor/empresa /concorrência/profissionais, etc... Se utilização do Ego-Marketing no contexto do SER ou SE ACHAR SER, praticando assim ações muitas vezes planejadas para satisfazer seu ego.

Postado por: Silmar Carvalho em março 8, 2007 10:47 PM


Comente

Aviso legal:
-Não publico comentários anônimos. "josé", "júnior", "maria" e qualquer nome que não informe claramente quem está fazendo o comentário será considerado anônimo. Seja homem (ou se preferir, tenha peito) e assuma sua posição;

-Se quiser que seu comentário seja publicado, informe claramente algum site que o identifique. Pode ser blog, Twitter, Orkut, Facebook ou qualquer perfil na internet e que, por sua vez, também não seja anônimo;

-Não publico comentários desrespeitosos, com palavras de baixo calão, preconceituosos ou que firam qualquer lei desse país;

-Não publico comentários que aparentam ser meras propagandas ou link building;

-Eu publico críticas, desde que respeitem as regras acima.




Lembrar?

(você pode utilizar algum HTML)


Please enter the security code you see here


   Powered by Movable Type